rita

A edição digital de fontes histórico-linguísticas

Rita Marquilhas

Universidade de Lisboa

[Resumo]


Rita Marquilhas é especialista em história da cultura escrita e Professora Associada da Faculdadade de Letras da Universidade de Lisboa, onde ensina disciplinas de linguística histórica, crítica textual e linguagem e comunicação. Tem desenvolvido investigação sobre o estudo interdisciplinar e a edição digital da escrita quotidiana, sua língua, seus agentes, seu contexto social. É autora de dois livros sobre cultura escrita – Norma Gráfica Setecentista (1992) e A Faculdade das Letras: Leitura e Escrita em Portugal no século XVII (2000, 2003) – e contribui ativamente para o debate científico nessa mesma área, quer em artigos de revistas científicas, quer em congressos internacionais. Atualmente, é investigadora responsável de um projeto financiado pelo European Research Council e dedicado à busca, estudo e edição digital de escritos do quotidiano português e espanhol da Época Moderna – séculos XVI a XIX, Post Scriptum: A Digital Archive of Ordinary Writings (Portugal and Spain). / Rita Marquilhas is a Portuguese expert on the history of graphic culture and she teaches at the University of Lisbon as an Associate Professor. Her teaching topics are historical linguistics, philology and communication studies. Her research topics are the interdisciplinary study and digital edition of private documents (their language, their agents, their social context).  She has published two books on the Portuguese graphic culture – Norma Gráfica Setecentista (1992) and A Faculdade das Letras: Leitura e Escrita em Portugal no século XVII (2000, 2003). Her contributions to the international scientific debate are rather frequent – both through journal publications and conference attendance – and she currently coordinates an ERC funded research project on the online publication and interdisciplinary study of ordinary writings in Early Modern Portugal and Spain (16th to 19th century), Post Scriptum: A Digital Archive of Ordinary Writings (Portugal and Spain).

filler

Resumo

No Centro de Linguística da Universidade de Lisboa está em curso um projeto de investigação que envolve uma equipa mista de historiadores e linguistas e que se destina à busca, estudo interdisciplinar e edição digital de milhares de cartas pessoais portuguesas e espanholas trocadas ao longo do período Moderno (séculos XVI a XIX) entre autores e destinatários de todos os estratos sociais. Trata-se do projeto P.S. (Post Scriptum), uma experiência que se sucede a duas anteriores, as dos projetos CARDS e FLY, todas elas claramente classificáveis dentro da área das Humanidades Digitais. Com efeito, para concretizar o estudo interdisciplinar e a publicação dos milhares de documentos históricos usados pela equipa, tem sido necessário compatibilizar ferramentas digitais com as metodologias tradicionalmente seguidas pela crítica textual, pela linguística histórica e pela história cultural. Tem-se procurado automatizar o que é automatizável ao longo dos seguintes processos: a) marcação textual da transcrição conservadora dos manuscritos; b) normalização da variação gráfica presente nas transcrições conservadoras; c) anotação de categorias linguísticas nos ficheiros normalizados; d) análise do corpus — suas variantes, seu léxico, suas categorias — em termos estatísticos; e) cruzamento entre os dados linguísticos e os dados extralinguísticos recolhidos pela equipa de historiadores do projeto.
As ferramentas computacionais utilizadas têm sido as seguintes: Oxygen (para edição em XML-TEI), XmlGrid (para conversão de XML em tabelas), VARD e DICER (para normalização semiautomática), E-Dictor (para normalização manual e anotação POS), parser de Dan Bickel (para anotação sintática), WordSmith Tools (para estatística lexical), bem como vários scripts de conversão PERL preparados por colaboradores da equipa.
Nesta apresentação comentarei, apoiada em casos particulares, a nossa constante necessidade de harmonização entre a lógica das Humanidades, que é sobretudo qualitativa e reflexiva, e o espírito da computação.

3 Respostas para “

  1. Pingback: Seminário Humanidades Digitais no Brasil | #HDbr – Programa | Humanidades Digitais·

  2. Pingback: Programa | I Seminário Internacional Humanidades Digitais·

  3. Pingback: Terceiro dia, 25/10 | I Seminário Internacional Humanidades Digitais·

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s